Stargate Atlantis

Os frequentadores mais assíduos do blog sabem que sou fã de Stargate SG1 pelo que não é muito dificil estar viciado em Atlantis. Quem já viu a season 8 do SG1 tem conhecimento da ligação que existe entre ambos as histórias, o que para mim , representa o ponto mais forte de ambas as séries.

Para os mais desatentos, Stargate Atlantis aborda a temática da Atlântida, mas numa perspectiva completamente diferente.

A cidade perdida é encontrada pelos humanos numa galáxia longínqua e é com a ajuda do Stargate que o Coronel Sheppard e sua equipa conseguem habitar a cidade dos Antigos. No processo, encontram novos inimigos (Genii e os Wraith) e fazem alianças que lhes vão permitir ter esperança numa resultado favorável.

Ao contrário de SG1, Atlantis é mais direccionado para a tecnologia e batalhas espaciais, o que é francamente mais apelativo em termos de acção. Mas não podemos comparar ambas, dado que se interligam de uma forma muito interessante.

O meu conselho para quem não acompanha é visionar e dar o seu feedback neste tópico. 😉

Perfil de hugocardoso

Membro da fantástica colheita de ©1978. Utilizador de . Adepto do SLB, LA Lakers e Colorado Avalanche. Entusiasta de Retro Gaming, Cinema e BD. Colecionador de Estátuas na escala 1/6. Fã #1 de Muttley, o 🐶

Todos os artigos de hugocardoso →

21 Comentários no artigo “Stargate Atlantis”

  1. Não precisam responder
    Desisti
    Para quê blogues só de conversa que não passa daí !!!!!!!!!!!!!!!!!!!

  2. Já pedi ajudas anteriores mas até agora nada.
    Talvez a inexperiencia seja demais.
    Ainda não consegui a seria 4 do SG1.
    Estou a por a hipotese de passar de seguida para o atlantis mas tenhoi receio de quebrar o encadeamento.
    Estava já em vias de desistir quando esporadicamente passei por aqui e a mensagem do Ricardo reacendeu.
    O piratebay ou o outro que o Hugo indicou não resultou.
    Será possivel outro contacto para uma ajuda mais completa.
    Desde já um grande obrigado

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.