Into the Badlands T.1

A narrativa tem lugar num futuro apocalíptico, sensivelmente 500 anos após uma guerra que destruiu a civilização como a conhecemos. O território é dividido por cinco Barões, que controlam os seus recursos e gerem a paz entre as várias facções.

Vamos acompanhar a história de Sunny, o Regente do Barão Quinn, que lidera as suas forças, designadas como Clippers. Estamos perante um lutador quase imbatível, que vai resgatar um miúdo, de nome MC, tornando-se no seu mentor.

As Badlands assentam num sistema feudal, onde as armas se resumem a espadas, lanças e à capacidade de praticar artes marciais. A série é fenomenal, com coreografias de luta do melhor que se faz em TV, elevando Into the Badlands a um patamar muito elevado.

O final da temporada é fantástico, abrindo uma série de possibilidades e ditando um rumo muito interessante para a segunda temporada. Gostei francamente das personagens de The Widow, Sunny, Quinn e claro, MC, que pode tornar-se no grande catalizador dos eventos que se vão seguir.

Altamente recomendado para quem procura algo diferente, mas que procura equilibrar a acção e a narrativa.

The following two tabs change content below.

hugocardoso

Criador / Fundador do Portal Pessoal
Membro da fantástica colheita de ©1978. Utilizador de . Adepto do SLB, LA Lakers e Colorado Avalanche. Entusiasta de Retro Gaming, Cinema e BD. Colecionador de Estátuas & Figuras. Fã #1 de Muttley, o 🐶

Últimos artigos de hugocardoso (Ver todos)

Participa no debate. A tua opinião é fundamental.


Qual é o resultado final de 20 + 11 ?
Please leave these two fields as-is:
O SPAM não será tolerado neste espaço, pelo que solicito o preenchimento do formulário acima indicado. Muito obrigado.