The Strain T.2

Após uma primeira temporada interessante, a luta contra o Mestre retoma, com os nossos heróis a serem colocados à prova em inúmeras ocasiões. A batalha com Setrakian deixou as suas marcas e vai forçar a mudança de corpo do Mestre, algo que não acontecia há séculos.

Em termos de narrativa, vamos acompanhar a demanda pelo Occido Lumen, um livro que pode deter o segredo para a derrota dos strigói. Existem igualmente algumas tentativas de criar uma arma biológica capaz de infectar os vampiros e o aparecimento de alguns aliados inesperados. A parte mais interessante desta segunda temporada é que foge em grande medida aos livros, o que é curioso, tendo em conta que os produtores são Chuck Hogan e Benicio del Toro, precisamente os criadores da obra.

Existem menos flashbacks, com o intuito de explicar as origens de algumas personagens, excepção feita a Quinlan, que se revela como um dos inimigos mortais do Mestre. E é nesta fase que vou inserir alguns spoilers, pelo que sugiro a vossa atenção. A grande virtude da primeira temporada foram precisamente as personagens, que são extremamente cativantes e relevantes para a narrativa, algo que se perde nesta segunda parte.

Existe nalguns episódios uma desorganização total da narrativa, em que acompanhamos Eldritch Palmer e Coco, outros em que somos apresentados a Angel, um ex-lutador mexicano, que realizava filmes acerca de vampiros (sim… isso mesmo), mas em que nunca fica claro a relevância para o resultado final do episódio em questão. Outro dos pontos que me fez confusão é o facto de passar a não existir preocupação na contaminação, aquando das batalhas. Essencialmente vemos sangue branco a voar por todo o écran mas nesta temporada ninguém é exposto (bem, quase ninguém, vou evitar esse spoiler).

Dito isto, considero que a segunda temporada de The Strain não é tão forte como a primeira, embora tenha mais acção. Estou muito curioso pela terceira temporada, que será a final, dado que tenho a certeza que irá desviar-se ainda mais da obra literária. Serão os strigoi a vencer? Ou a Humanidade? Ou será que após a batalha final, restará alguém para ser declarado vencedor? Em 2016 vamos ter essa confirmação.

The following two tabs change content below.

hugocardoso

Criador / Fundador do Portal Pessoal
Membro da fantástica colheita de ©1978. Utilizador de . Adepto do SLB, LA Lakers e Colorado Avalanche. Entusiasta de Retro Gaming, Cinema e BD. Colecionador de Estátuas & Mini-Figuras. Fã #1 de Muttley, o 🐶

Últimos artigos de hugocardoso (Ver todos)

Participa no debate. A tua opinião é fundamental.