The Wandering Earth

Baseado na obra literária de Liu Cixin, este é o primeiro grande projeto de ficção científica chinês, tendo alcançado excelentes resultados de bilheteira no Oriente. A Netflix adquiriu recentemente os direitos para o stream internacional deste filme, motivo pelo qual optei por embarcar nesta aventura de duas horas.

The Wandering Earth mostra-nos uma civilização humana na iminência da extinção enquanto espécie, sendo necessário criar gigantescos motores de fusão para retirar o planeta da sua órbita. O objetivo passa por realocar a Humanidade em Alfa Centauri, escapando à implosão do Sol, que se vai converter num gigante vermelho e consequente supernova.

A narrativa avança dezassete anos, mostrando uma superfície inabitável, resultado das alterações no campo magnético da Terra. As temperaturas baixas e o clima inóspito forçam os sobreviventes a viver no subsolo mas a missão prossegue dentro da normalidade possível.

No entanto, ao passar pela órbita de Júpiter, as forças magnéticas intensas causam uma avaria nos motores, colocando o Planeta Terra em rota de colisão. A bordo da estação espacial que orbita o Planeta Terra, seguem alguns astronautas, assim como várias espécie de fauna, flora e ADN humano que servirão de base para o relançar da civilização em Alta Centauri.

Após calcular os impactos e a inevitabilidade do impacto com Jupiter, MOSS, a inteligência artificial que comanda a missão, opta por sacrificar o planeta, garantindo a sobrevivência do material genético a bordo. Esta é a premissa principal do filme, que acompanha a luta pela sobrevivência no planeta, assim como a bordo da estação espacial, onde Liu Peiqiang e Makarov tentam evitar a catástrofe.

Há muita inspiração em clássicos como 2001, Odisseia no Espaço, passando por Gravity e até Espaço 1999, num filme que consegue ter alguns momentos de puro entretenimento. A história em redor de Liu Qi está repleta de clichés e no geral diria que o filme é demasiado longo, mas se são fãs de ficção científica sugiro que concedam uma oportunidade a Wandering Earth.

Mediano
60%
The following two tabs change content below.

hugocardoso

Criador / Fundador do Portal Pessoal
Membro da fantástica colheita de ©1978. Utilizador de . Adepto do SLB, LA Lakers e Colorado Avalanche. Entusiasta de Retro Gaming, Cinema e BD. Colecionador de Estátuas & Figuras. Fã #1 de Muttley, o 🐶

Últimos artigos de hugocardoso (Ver todos)

Total de comentários: Um comentário

  1. A utilizar Google Chrome 66 Google Chrome 66 em Mac OS X 10.12 Mac OS X 10.12

    I am truly grateful to the holder of this web page who has shared this great paragraph at this time. https://dsc2017.in

Participa no debate. A tua opinião é fundamental.