Enchi-me de coragem e resolvi “arrendar” um domínio para alojar o blog. Dada a extrema receptividade dos visitantes era importante disponibilizar mais conteúdos e aumentar a interactividade. Os mais atentos já chegaram à conclusão que optei por regressar ao anterior template (da autoria de Andreas Viklund), embora com aspecto renovado e convertido para WordPress. Tentei que a navegação se mantivesse simples pelo que apenas existem cinco menus, no local do costume.

Tem sido uma tarefa complicada efectuar a migração do anterior site pelo que vos peço que sejam tolerantes com alguns bugs, que muito provavelmente irão encontrar espalhados pelo código. Se necessitarem podem utilizar o menu Contacto para enviar as vossas sugestões/insultos/whatever. Que vos parece deste novo formato? Fico á espera das vossas opiniões. 😆

Texto editado em 27.09.2006 (nota mental: efectuar backups regularmente – Rui, lamento mas o teu comentário foi-se assim como outra informação importante)

The following two tabs change content below.

hugocardoso

Criador / Fundador do Portal Pessoal
Membro da fantástica colheita de ©1978. Utilizador de . Adepto do SLB, LA Lakers e Colorado Avalanche. Entusiasta de Retro Gaming, Cinema e BD. Colecionador de Estátuas & Mini-Figuras. Fã #1 de Muttley, o 🐶

Últimos artigos de hugocardoso (Ver todos)

Total de comentários: 4

  1. A utilizar Firefox 1 Firefox 1 em Windows XP Windows XP

    Bem, não deixa de ser verdade! Com a promoção que estava em vigor era um crime não aproveitar 8)
    Afinal de contas 4.50/mes não é caro! 😛

  2. Remus diz:
    A utilizar Firefox 1 Firefox 1 em Windows XP Windows XP

    Muito bem.
    Parabéns pela evolução.
    Também não é preciso ter, muita coragem….muita coragem… basta ter a possibilidade de dispensar uns euritos para pagar as contas… 🙂

  3. A utilizar Firefox 1 Firefox 1 em Windows XP Windows XP

    É o que dar testar plugins sem efectuar backups 😡

  4. Rui Moura diz:
    A utilizar Swiftfox Swiftfox em GNU/Linux GNU/Linux

    🙄 … No problemo

Participa no debate. A tua opinião é fundamental.