A Reconquista

Apesar de ser um adepto de futebol, limito as minhas referências ao tema a um balanço anual da temporada. O futebol português, mesmo com o título de campeão da Europa, aprendeu muito pouco. Falta cultura desportiva no nosso país e a FPF, assim como a Liga de Clubes, é incapaz de seguir o caminho necessário para credibilizar a competição. Existirão sempre […]

Desde o final dos anos 80 que sigo a NBA com especial encanto. A era do Showtime converteu-me num fã dos LA Lakers e permitiu-me assistir à conquista de vários títulos de campeão. Os últimos cinco anos no entanto marcaram uma verdadeira travessia no deserto mas lentamente a equipa tem acumulado talento, fruto de boas escolhas no draft e muitas derrotas […]

Moche XL eSports

Nos últimos anos o eSports em território nacional passou a ter uma abordagem mais profissional, com a criação de uma Federação e um investimento progressivo e consolidado. Para os mais cépticos, o termo “modalidade” pode ser considerado um exagero, mas a sua integração nos Jogos Olímpicos de Inverno confirma precisamente a minha afirmação. Quem segue internacionalmente este fenómeno, pode facilmente […]

O Tetracampeonato

O SLB foi fundado em 1904 e desde essa altura que várias gerações de jogadores tentaram alcançar, sem sucesso, o almejado tetracampeonato. No jogo frente ao Vitória de Guimarães tínhamos a oportunidade de fazer História e a equipa deu uma resposta incrível, fazendo uma exibição irresistível, que terminou com quatro golos sem resposta, na primeira parte. O Estádio da Luz […]

FCB Ultimate Rush

Desde o final dos anos 80 que me tornei um fã do futebol total do Barcelona, liderado por Johan Cruyff. As fantásticas equipas, repletas de talentos como Romário, Koeman, Guardiola, Laudrup, Stoichkov e muito mais fizeram sorrir milhões de adeptos por todo o Mundo. Hoje em dia o Barcelona é uma verdadeira instituição, assente numa lógica de futebol espectáculo e com […]

Mais um título europeu!

Uma das minhas modalidades preferidas é sem dúvida o hóquei em patins, muito por “culpa” das enormes selecções que apresentámos nos anos 90. Nomes como Paulo Alves, Pedro Alves, Vítor Fortunado, Paulo Almeida, Rui Lopes, Filipe Santos e Luís Ferreira, para citar alguns, elevaram Portugal ao topo do hóquei mundial. Seguiu-se um vazio de dezoito anos em termos de Europeu […]